Ferramentas do usuário

Ferramentas do site


en:ecovirt:roteiro:metap_duas:metap_dhabr_old

ATENÇÃO: ESTA PÁGINA É UMA VERSÃO ANTIGA DO ROTEIRO E ESTÁ DESATIVADA, PARA ACESSAR O ROTEIRO ATUAL ACESSE ESTE LINK

Competição e Destruição de Habitat em Metapopulações - Roteiro no R

Para fazer este roteiro você deve ter feito o roteiro de Coexistência em Metapopulações, utilizando a função metaComp do pacote EcoVirtual.

habitat_destruction.gif

Será que a destruição de habitats afeta da mesma maneira espécies com habilidades competitiva e de colonização diferentes? Para explorar esta pergunta, vamos eliminar partes das manchas em nossa simulação de coexistência em metapopulações.

Usando um Tira-Manchas

tantofaz.jpg

Vamos partir do Coexistência em Metapopulações, para incluir a destruição de habitats como remoção de parte das manchas habitáveis. Assim, incluímos no sistema um competidor ainda mais forte. Ao transformar a paisagem para seu uso, o ser humano ocupa manchas e expulsa as outras espécies, nunca se extingue da mancha ocupada, e nem pode ser expulso pelas outras espécies. Um verdadeiro demônio darwiniano!1).

Para simular competição em metapopulações já tínhamos um argumento para especificar a fração de manchas removidas. Seu valor padrão (default) é zero. Como não especificamos outro valor nas simulações anteriores, este foi o valor usado, e nenhuma mancha foi removida.

Vamos começar com uma simulação sem destruição de habitat, em que temos coexistência das duas espécies. A espécie competitivamente inferior tem três vezes mais capacidade de colonização.

tmax=100,
cl=20,
rw=20,
fi1=0.1,
fi2=0.1,
i1=0.3,
i2=0.9,
pe=0.15,
D=0

O argumento D define a fração de manchas removidas.

  1. Experimente destruir 5% das manchas 2)
  2. Aumente a destruição de 10% até 40% das manchas, a intervalos de 5%

O gráfico apresentado possui uma linha horizontal pontilhada, que indica a fração de manchas em equilíbrio para cada uma das espécies se não houvesse destruição de habitats. Investigue o efeito do aumento de destruição de habitat sobre a coexistência e fração de manchas ocupadas pelas espécies.

Perguntas

  1. Como a destruição de habitat afeta cada uma das espécies? Há diferenças importantes neste efeito?
  2. A destruição do habitat pode tornar possível a coexistência?
  3. Interprete estes resultados em termos biológicos.

Referências

  • Law, R. (1979) Optimal life-histories under age-specific predation. Am. Nat. 114, 399-417.
  • Nee, S. and May, R.M. (1992) Dynamics of metapopulations: habitat destruction and competitive coexistence. Journal of Animal Ecology, 61:37–40.
  • Stevens, M.H.H. (2009) A primer in ecology with R. New York, Springer.

caso tenha ficado intrigado com os resultados, veja a página 261 dessa última referência

1)
Law (1979)
2)
Faça isto apenas no mundo virtual. Na vida real destruir habitats é uma atitude deplorável, embora disseminada.
en/ecovirt/roteiro/metap_duas/metap_dhabr_old.txt · Última modificação: 2017/08/17 14:26 (edição externa)